Guia Completo sobre Linhas – Nylon ou Encerada, qual escolher?

guia completo sobre linhas

Um guia completo sobre linhas é talvez uma das formas mais fáceis de encontrar e comprar o modelo de linha ideal para o seu projeto. Afinal, através dele, é possível entender de forma muito mais prática e objetiva como cada modelo se comporta e quais são suas principais indicações.

Então, montamos este guia completo sobre linhas para que você não só entenda como cada modelo pode ser útil no dia a dia. Mas também, use de base para sua tomada de decisão na hora de fazer uma compra. Afinal, a linha errada em um projeto artesanal ou mesmo industrial, pode significar um erro irreversível.

Então, acompanhe o texto e saiba tudo sobre o tema a partir de agora. Vamos lá?

guia completo sobre linhas

Guia Completo sobre Linhas – Qual modelo escolher?

Escolher a linha certa para sua ideia, projeto ou produto é o ponto chave para que você possa não só ter um resultado final de qualidade. Mas também, ter uma otimização de custo para que o produto final, de fato, seja viável. Independentemente de ser um produto para vender ou para você ter em casa.

Por isso, falaremos de 2 tipos de linhas diferentes: a linha encerada e a linha nylon. Ambas resistentes, extremamente versáteis e muito práticas para serem usadas nos mais diferentes projetos e ideias do seu dia a dia. Vejamos algumas características a partir de agora. Acompanhe!

Para ler depois: Tecido Tricoline: Utilidades, características e onde comprar

Linha encerada – Benefícios e recomendações de uso

O nosso guia completo sobre linhas começará falando sobre a linha encerada. Este é um dos modelos mais utilizados por quem precisa realizar costuras de materiais extremamente complexos e também simples. Por exemplo:

  • Ótima para artesanatos e produções manuais;
  • Excelente tenacidade;
  • Ideal para costuras tipo blaqueação;

Falaremos detalhadamente sobre cada um destes pontos a partir de agora.

Ótima para artesanatos e produções manuais

Se você busca uma linha que se comporte de forma eficiente e muito “organizada” em produções artesanais, a linha encerada é a correta. Ela pode ser usada nos mais variados ângulos e tem capacidade de prender sem rasgar diversos tipos de tecidos, feltros e até alguns tipos de plástico.

Então, se o seu objetivo é encontrar um produto que possibilite flexibilidade nas suas produções, fácil passagem do fio na agulha e sem chances de rasgos constantes, a linha encerada é uma excelente opção!

guia completo sobre linhas

Excelente tenacidade

Esta é uma linha com uma tenacidade incrível. Mas, o que isto quer dizer? Quer dizer que o material é feito para resistir e não partir (rasgar) com facilidade. Ele é ótimo para segurar diversos tipos de impacto e também aguentar pressões nas mais diversas situações. O que é diferente de diversos outros tipos de linhas mais simples, por assim dizer.

Uma linha com boa tenacidade garante que você possa executar seus trabalhos sem estresse e com mais confiança. Lembra quando mencionamos que além de prática, uma boa linha precisa otimizar a produção? É o caso da linha encerada!

Ideal para costuras tipo blaqueação

Se você busca uma linha que seja excelente para fazer trabalhos de blaqueação, conte com a linha encerada. Este tipo de trabalho baseia-se em tipos de costuras mais “complicados”, por assim dizer. Por exemplo, você poderá costurar bolas, sapatos, itens de selaria e muitas outras superfícies mais “duras”.  Interessante, não é mesmo?

Para ler depois: Como reformar o sofá? Entenda tudo sobre o assunto

Linha nylon – Benefícios e recomendações de uso

Além da linha encerada, nosso guia completo sobre linhas também traz a linha de nylon como uma excelente “amiga” para os mais diversos tipos de projetos no dia a dia. A linha nylon é feita, como o próprio nome já diz, de nylon. E isto significa que ela será mais resistente que outros tipos mais convencionais (como alguns tipos de algodão).

Vejamos algumas ótimas atribuições da linha de nylon da JC Decor:

  • Ótima para utilização industrial e costuras manuais;
  • Recomendada para reparo de couros e materiais sintéticos;
  • Resistente e muito flexível;

Falaremos sobre cada um dos itens a partir de agora, de forma detalhada. Vamos lá?

guia completo sobre linhas

Ótima para utilização industrial e costuras manuais

A linha de nylon é ótima para costuras e produções do tipo industrial e manual. Ou seja, você poderá usar este tipo de linha tanto para fazer um simples trabalho artesanal em casa, como para implementar na sua indústria de produção de larga escala. A linha é ótima para suportar uma série de impactos e é ótima como material de acabamento e também de estrutura.

Recomendada para reparo de couros e materiais sintéticos

Se o seu objetivo for reparar couros ou materiais sintéticos (corano, corino, etc), a linha de nylon é a mais indicada. Afinal, ela garante uma resistência muito grande para este tipo de produto e o melhor: sem rasgá-los. Afinal, como você sabe, uma linha muito fina e com substâncias específicas em sua composição, pode facilmente partir um tecido ou material composto, dependendo da pressão que você exercer sobre ela. E você não quer que isto ocorra, não é mesmo?

Resistente e muito flexível

Além de ser uma ótima aliada para uma série de situações, a linha é, claro, muito resistente e flexível. E o que isto quer dizer? Quer dizer que ela não vai rasgar tão facilmente por ser mais rígida, mas também, não vai dificultar uma costura manual, caso seja o seu caso. Ela é o meio termo entre dureza e flexibilidade, o que a faz ter um custo benefício excelente!

Por isso, para saber mais sobre linhas e encontrar a ideal para o seu projeto, conte com a JC Decor! Clique abaixo para comprar linhas enceradas e linhas de nylon:

Qualquer dúvida, por favor, entre em contato!

Piso Antiderrapante – Preço, Modelos e Benefícios

piso moeda laminado

Um bom piso antiderrapante é, sem dúvida nenhuma, um dos itens mais indispensáveis em uma loja, comércio no geral ou qualquer tipo de estabelecimento aberto ao público. Porém, muita gente se engana quando acredita que este tipo de produto deve ser destinado somente para estes locais.

Os pisos antiderrapantes podem sim ser usados em residências. Não há nada que impeça a instalação destes materiais de alto poder de segurança em garagens, espaços abertos, áreas de lazer, etc.

Se você quiser entender tudo sobre o assunto, então acompanhe o texto! Veremos aqui alguns modelos, principais benefícios e preços de piso antiderrapante para que você domine o tema.

Vamos lá?

piso antiderrapante

Piso Antiderrapante – Quais os melhores modelos?

Os melhores modelos de piso antiderrapante são aqueles indicados e ideais para cada espaço ou localização. E justamente por este motivo, o mercado oferece hoje uma infinidade de estilos e projetos deste tipo de revestimento. A JC Decor, por exemplo, é especialista no assunto. Você encontrará na loja itens de primeira linha com preços extremamente convidativos.

Para deixar tudo mais claro, hoje falaremos sobre estes 4 tipos de piso antiderrapante:

  • Piso emborrachado moeda;
  • Piso tátil para promover segurança;
  • Piso emborrachado para ônibus;
  • Piso moeda laminado;

A seguir, entenderemos detalhadamente sobre cada um deles, onde podem ser usados e encontrados. Vamos lá?

Piso emborrachado moeda

O piso emborrachado moeda é um dos mais clássicos e conhecidos do mercado. Afinal, certamente você já o viu em algum lugar por aí. Seja em estabelecimentos comerciais ou mesmo em áreas externas ou de saúde (como hospitais).

Ele é um modelo indicado para quem precisa, acima de tudo, proporcionar segurança para ambientes com um tráfego muito grande de pessoas. E se este local tiver algum tipo de “agravante” para ficar escorregadio (como chuva), ele é ainda mais importante.

Este tipo de piso leva este nome pela sua estrutura e design. Ele possui uma superfície em relevo e em formatos arredondados, semelhantes a moedas. O que ajuda a conter escorregões e tombos.

Veja aqui modelos de piso moeda emborrachado.

piso antiderrapante

Piso tátil para promover segurança

O piso tátil é um dos mais fascinantes e incríveis do mercado de piso antiderrapante. Ele não é apenas uma forma de manter um local seguro do ponto de vista antiderrapante. Mas também, ele proporciona algo incrível na vida de pessoas com algum tipo de deficiência visual: liberdade!

Sim, o piso tátil é um dos modelos de piso responsáveis por fazer com que pessoas com deficiência visual possam caminhar pelas ruas da cidade ou mesmo entrar em lojas e comércios. O que é realmente incrível, uma vez que eles ajudam as pessoas a se guiarem através das estruturas em alto relevo.

Existem dois tipos de piso tátil: o modelo direcional e o modelo de alerta. O primeiro, servirá para guiar as pessoas e o segundo servirá como um ponto de alerta importante em determinado local do trajeto.

Veja aqui modelos de piso tátil.

piso tátil

Piso emborrachado para ônibus

Você sabia que há um modelo específico de piso antiderrapante e emborrachado para ônibus? Sim, há! Afinal, conforme mencionamos anteriormente, cada ambiente é único e requer um tipo de superfície diferente.

No caso de ônibus, é preciso levar em consideração que o veículo está em movimento e que nem sempre as velocidades e forças serão as mesmas. Por isso, ele precisa ter uma estrutura que supere isso. Além de que a colagem precisa ser feita de formas também específicas, considerando o fluxo das pessoas e os assentos.

Veja aqui alguns modelos de piso emborrachado para ônibus.

piso antiderrapante

Piso moeda laminado

O piso moeda laminado é um dos modelos mais importantes do mercado. Ele é semelhante ao piso moeda convencional. Porém, possui uma laminação na superfície, o que garante mais estabilidade e muito mais proteção para o material e também para as pessoas.

Veja aqui alguns modelos de piso moeda laminado.

piso antiderrapante

Benefícios de utilizar o piso antiderrapante

Utilizar um piso antiderrapante traz uma série de benefícios para você e para quem utilizá-los. Afinal, este é um material pensado e desenvolvido exclusivamente para proporcionar segurança, elegância e até mesmo servir como material térmico e isolante! Por isso, recomendamos que você não só instale o material por “obrigação”. Mas também, por cuidados pessoais e cuidados com as pessoas que usam o espaço!

Segurança em primeiro lugar

A segurança em primeiro lugar é o benefício “máximo” de utilizar pisos antiderrapantes.  Afinal, eles garantem que todas as pessoas que trafegam pelo local específico não escorreguem e se machuquem. O que é fundamental, principalmente se você possui algum tipo de comércio, loja ou espaço para público.

Mas não só isso. O piso antiderrapante é também um importante item de segurança para locais de saúde, como hospitais, postos de saúde, centros de atendimento e clínicas de forma geral.

Credibilidade perante consumidores

A credibilidade que você conquista perante os consumidores de sua loja é enorme com o uso de pisos antiderrapantes. Afinal, as pessoas estarão se sentindo seguras no espaço, o que é ótimo para que o inconsciente trabalhe a favor de uma compra, por exemplo.

Além disso, o marketing do boca a boca funcionará muito bem, pois você certamente será lembrado como uma loja ou estabelecimento que cuida do bem-estar das pessoas. Mesmo que de forma inconsciente, as pessoas lembrarão disso e comentarão com outras!

piso moeda laminado

Preço do piso antiderrapante

O preço do piso antiderrapante vai depender do modelo e da quantidade que você necessita. Mas este é um produto acessível e que possui uma ótima relação de custo-benefício devido a todos os fatores que mencionamos anteriormente! Veja abaixo os melhores preços para pisos antiderrapantes.

Qualquer dúvida, por favor, entre em contato!

Piso Tátil – Preço, Modelos e Benefícios

piso tátil direcional

O piso tátil é, sem dúvida nenhuma, uma grande evolução e revolução da sociedade. Com ele, cada vez mais as pessoas podem socializar e estarem presentes no mundo externo, mesmo com suas limitações. Desta forma, utilizar este tipo de material é muito mais do que uma simples forma de cumprir com obrigações. Mas também, de fazer o que é certo do ponto de vista social!

No texto de hoje, entenderemos um pouco mais sobre como o piso tátil pode ser usado, quais são seus principais benefícios, os melhores preços e onde comprar suas peças com segurança e confiança. Então, acompanhe para entender. Vamos lá?

Para ler depois: Importância de Usar Pisos Antiderrapantes.

piso tátil direcional

Piso Tátil – Quais os benefícios deste produto?

Como você sabe, o piso tátil é muito mais do que um piso. Ele é, acima de tudo, um guia para a liberdade de locomoção das pessoas! E simplesmente por este motivo, este material deveria ser instalado em absolutamente todos os lugares em todas as cidades, não é mesmo? O fato é que já existem regulamentações que pedem isso, o que é ótimo para o desenvolvimento social.

Entre outras coisas, falaremos dos principais benefícios do piso tátil para que você não só adquira-o de forma “técnica”. Mas sim, de forma consciente do bem que está prestes a fazer.

  • Socialização de pessoas com deficiência visual;
  • Segurança para caminhar;
  • Adequações normativas e legislativas;
  • Credibilidade perante a sociedade e clientes;

Falaremos sobre cada um destes aspectos a partir de agora. Acompanhe para entender!

Socialização de pessoas com deficiência visual

O primeiro e, sem dúvida nenhuma, mais importante critério benéfico do piso tátil, é o auxílio na socialização de pessoas com deficiência visual. Simplesmente pelo fato de instalar este material em calçadas e lojas, você já estará contribuindo para um mundo um pouco mais justo e igual, proporcionando liberdade para quem, até então, é limitado a ficar dentro de casa.

A segurança das pessoas com deficiência visual é um aspecto de fundamental importância para que elas possam se sentir seguras na rua. Afinal, não basta instalar apenas o piso tátil de forma aleatória. É preciso fazer de maneira pensada e planejada, com as peças certas. E falaremos mais sobre as peças certas durante o texto.

Continue lendo.

Segurança para caminhar

A segurança para uma caminhada plena é digna de todos nós. Para quem não possui nenhum tipo de deficiência visual, caminhar pela calçada é um trabalho feito de forma praticamente “sem pensar”. Mas para quem possui deficiência visual, esta simplicidade não é tão facilmente alcançada. E se não houver pisos táteis para isso, ela sequer é alcançada.

Então, este tipo de material é muito útil para ambientes internos  e externos.

Adequações normativas e legislativas

Além de todos os benefícios sociais e conscientes que mencionamos anteriormente, há também os benefícios legislativos. Ou seja, você estará dentro da Lei, uma vez que é obrigatório o uso de piso tátil em calçadas e locais públicos. Por isso, não hesite em se adequar!

Credibilidade perante a sociedade e clientes

Outro ótimo benefício do piso tátil é justamente a questão da credibilidade com clientes. Afinal, quando você faz o bem para alguém, sempre ecoa positivamente. E deixar seu comércio ou estabelecimento cercado de segurança e adaptações para pessoas com deficiência, faz com que automaticamente você seja mais bem visto e o marketing do boca a boca terá um potencial enorme.

Leia também: Pisos emborrachados Moeda

piso tátil alerta

Modelos de piso tátil – Quais os principais?

Conforme mencionamos anteriormente, para construir uma estrutura de piso tátil no chão, não basta simplesmente aplicar as peças. É preciso fazer de forma pensada e planejada. Afinal, quem utiliza o sistema não pode ter nenhum tipo de insegurança ou instabilidade.

Então, além de ter um piso alinhado, você precisará das peças corretas, capazes de fazer as pessoas identificarem para onde ir e para onde não ir. Veja só.

Piso tátil direcional

O piso tátil direcional, como o próprio nome já diz, direciona as pessoas. Ou seja, ele é feito de forma que as pessoas entendam para onde devem ir, qual caminho seguir e qual a direção certa. Ele deve ser implementado de forma vertical para que possa, então, haver ali um trajeto físico no solo.

Piso tátil alerta

Já o piso tátil alerta, diferente do direcional, faz com que a pessoa entenda que é preciso tomar cuidado a partir daquele ponto. Ele serve para identificar uma série de situações que são diferentes de uma direção retilínea. Então, qualquer motivo que o pedestre precise prestar atenção em determinado ponto, deve ser instalado o piso tátil alerta.

Preço de piso tátil – Como e onde comprar barato?

E como comprar piso tátil de forma barata? Bom, para isso, antes de mais nada você precisa encontrar confiança na loja. A JC Decor, por exemplo, é especialista em itens de revestimentos e pisos. Você encontrará kits com 16 peças a partir de R$ 85,00. Além dos pisos direcionais, você também poderá encontrar os de atenção/alerta!

Clique aqui para saber mais.

Conte com a JC Decor para fazer seu pedido ainda hoje e, qualquer dúvida, estamos a disposição.

Piso Emborrachado – Preço, Modelos e Benefícios

piso emborrachado

Um bom piso emborrachado é aquele que pode fazer a diferença no dia a dia. Afinal, este é um produto muito mais importante, prático e útil do que a grande maioria das pessoas imagina. Quando se pensa em piso emborrachado, muitas vezes nos confundimos, achando que é um produto caro, pesado, de difícil instalação e difícil de encontrar. Mas a verdade é bem outra.

No texto de hoje, vamos entender melhor os benefícios deste produto, veremos os modelos e também o preço do material. Temos certeza que você vai se surpreender com tamanhos atributos do piso emborrachado. Então, acompanhe!

piso emborrachado

Piso emborrachado – Quais os principais benefícios de usá-lo?

O piso emborrachado nos oferece inúmeros benefícios. Este é um produto voltado para todas aquelas pessoas que buscam um material de excelente custo-benefício e que permita, acima de tudo, resolver um problema com elegância e praticidade.

Muitas vezes não sabemos nem por onde começar a entender a compra de um piso emborrachado. Afinal, há muitos modelos, tamanhos e características que, de longe, parecem ser complexas e complicadas. Mas a verdade é que não são. Não há segredos na hora de comprar pisos emborrachados e nós vamos te mostrar isso durante o texto.

Vejamos, agora, alguns benefícios do material:

  • Segurança em primeiro lugar;
  • Credibilidade para seu estabelecimento;
  • Alinhamento legal (regularização) do estabelecimento;
  • Mais higiene para o espaço;

Falaremos um pouco mais detalhadamente a respeito de cada um dos itens acima. Acompanhe!

Segurança em primeiro lugar

A segurança, obviamente, está em primeiro lugar no momento em que se pensa em comprar pisos emborrachados, não é verdade? Afinal, este é um item indispensável não só para estabelecimentos comerciais, como até mesmo para residências! Por que não?

O piso emborrachado faz com que as pessoas não escorreguem ou tropecem. Ele é responsável por deixar todo o chão organizado de uma forma mais linear e retilínea, proporcionando aderência e conforto para quem trafega pelo espaço.

É claro que o piso emborrachado não possui a beleza de uma cerâmica ou piso laminado. Mas ele não deixa de ser elegante, uma vez que quando bem instalado, poderá criar uma sensação de conforto visual.

Credibilidade para seu estabelecimento

Outro ponto que devemos ressaltar a partir da instalação de pisos emborrachados, é a credibilidade que o seu negócio ou estabelecimento causam. Sim, as pessoas procuram comprar somente em locais que elas sentem-se seguras mental e fisicamente, mesmo que de forma inconsciente.

Então, quanto mais oportunidades você der para que um potencial cliente sinta-se à vontade em sua loja, maiores serão as chances da compra. E neste caso, a instalação de pisos emborrachados pode ser uma excelente opção, mesmo que apenas em alguns locais específicos, mostrando que sua loja se preocupa com a integridade física dos clientes.

Se o seu público-alvo for idosos, o piso emborrachado é ainda mais importante!

piso emborrachado

Alinhamento legal (regularização) do estabelecimento

Além dos quesitos individuais e particulares, há ainda os quesitos legais. Alguns estabelecimentos precisam necessariamente se enquadrar em alguns tipos de legislações. E um dos pontos é justamente a implementação de pisos emborrachados como forma de segurança para os clientes.

Por isso, atente-se sempre para este aspecto, ok? Quanto melhor (e antes) você conseguir interpretar as regularizações e legislações para o seu negócio, mais bem sucedido ele será e menores serão as dores de cabeça futuras.

Mais higiene para o espaço

E também, não podemos deixar de mencionar um dos benefícios deste revestimento, que é a higiene. Sim, a higiene! Afinal, estes pisos fazem com que seu espaço, comércio ou estabelecimento passem uma sensação muito grande de higienização, pois quando o piso emborrachado está limpo, ele tende a ser muito convidativo visualmente.

Sem contar que ele é um material de uma facilidade enorme na hora de fazer a limpeza. Tudo que você precisa fazer, é usar um esfregão com um pouco de detergente neutro para que os excessos de sujeira sejam eliminados. Isto em casos mais agudos, claro. Em casos mais leves, apenas uma vassoura ou aspirador de pó já resolvem.

Evite a utilização de químicos muito fortes, ok?

Qual o preço de pisos emborrachados?

Agora, vamos falar um pouco sobre preços. Pois bem, o piso emborrachado, conforme mencionamos anteriormente, é um material com um custo benefício excelente. Logo, seu preço também é de muito agrado! Você poderá encontrar peças de piso emborrachado a partir de R$ 7,50 aqui na JC Decor.

Para saber a quantidade de material que você vai precisar, basta medir a quantidade em metros quadrados que seu ambiente possui. Para isso, multiplique a largura pelo comprimento. O resultado, será o número em metros que você precisará adquirir de placas de piso.

Modelos de pisos emborrachados

Existem alguns modelos de pisos emborrachados, desde os mais clássicos até os mais específicos para alguns tipos de atividades. Cada um deles possui também características únicas. Então, certifique-se de que você estará adquirindo o material certo, para o local certo, ok?

Vejamos dois exemplos abaixo.

piso emborrachado

Piso emborrachado para ônibus

O piso emborrachado para ônibus é feito respeitando regularizações de segurança e visando o conforto das pessoas. Imagine que um ônibus em movimento tende a realizar muitos desequilíbrios nas pessoas. Logo, o material no chão precisa garantir que não haverão escorregões ou tombos. Se esta for sua necessidade, clique aqui e conheça a linha completa de pisos emborrachado para ônibus.

Piso emborrachado moeda

Já o piso emborrachado moeda é talvez o mais clássico e conhecido pela grande maioria das pessoas. Certamente você já viu este tipo de material instalado em algum comércio ou estabelecimento da sua cidade, não é mesmo?

Pois bem, ele leva este nome justamente pelo fato de ter uma superfície em relevos arredondados, o que se assemelha justamente a moedas. Isto faz com que as pessoas tenham segurança e aderência ao caminhar. Clique aqui e veja alguns modelos de piso moeda emborrachado!

Onde comprar piso emborrachado?

E por fim, onde você poderá adquirir seus pisos emborrachados? Bom, nós somos a JC Decor. Uma loja especializada em itens de segurança, conforto e projetos artesanais e individuais. Por aqui, você encontrará os melhores modelos de revestimentos e pisos dos mais diversos tipos e modelos.

Clique aqui, conheça e, qualquer dúvida, estamos à disposição!

Como fazer seu próprio colchão ou colchonete? Passo a passo

Como fazer seu próprio colchão ou colchonete

Aprenda em nosso artigo de a como fazer seu próprio colchão ou colchonete e crie artesanalmente uma opção que seja capaz de suprir as suas necessidades. Pois se você é apaixonado por artesanato, sabe a diferença que tem quando apostamos em uma possibilidade caseira para utilizar no dia a dia, não é mesmo? Porém, nem sempre temos a habilidade para criar algo do zero e, para nos auxiliar neste sentido, temos os tutoriais.

Para tanto, trouxemos um passo a passo completo para que você possa confeccionar o seu colchão ou colchonete facilmente. Acompanhe e aprenda.

Como fazer seu próprio colchão ou colchonete

Passo a passo de como fazer seu próprio colchão ou colchonete

O nosso passo a passo é muito prático e rápido. Você poderá apostar no uso de máquina de costura, caso você tenha em casa, ou então, se aventurar em uma costura manual. Porém, é claro que a opção manual será mais difícil. Mas, isso não quer dizer que seja impossível, não é mesmo? É preciso apenas se atentar para os cuidados do passo a passo a fim de criar um bom acabamento.

Vamos lá?

1- Escolhendo a espuma ideal

Primeiramente você deverá escolher a sua espuma ideal. Vale lembrar que existem diversas espessuras e inclusive texturas de espuma. Saber qual a sua real necessidade é essencial para um bom resultado. Por exemplo, se você quer apenas um colchonete para treinar em casa, uma espessura de 2 a 5 cm é mais do que adequada.

Em contrapartida, se você quiser um colchão que seja para os seus hóspedes, por exemplo, precisará de uma espessura maior do que isso. Para que assim gere mais conforto e bem estar. Mas, lembre-se que quanto mais grossa for a sua espuma, mais material de revestimento você precisará, é claro.

Portanto, regra número um: entender a sua real necessidade e escolher a espuma e textura em cima disso.

Veja aqui as melhores espumas para colchões.

Como fazer seu próprio colchão ou colchonete

2- Escolhendo o melhor revestimento

Depois de escolher a espessura adequada do seu colchão/ colchonete, vamos passar para a etapa de escolher o melhor revestimento para o mesmo. Assim, saber como fazer seu próprio colchão ou colchonete está diretamente atrelado com escolher a opção adequada de capa.

Afinal, se você deixará o colchonete sempre no chão, é imprescindível que no lado virado para baixo você utilize um tecido que seja impermeável. Caso contrário, a umidade do piso poderá passar para o material, provocando efeitos nada agradáveis.

Em contrapartida, se utilizará em algum estofado ou cama, por exemplo, não necessariamente precisa desse acabamento. Embora você também possa apostar para diminuir as alergias por ácaros ou os prejuízos causados pela derrubada de líquidos sobre o colchão.

Vale salientarmos ainda que você pode fazer dois revestimentos: primeiro um com a capa impermeável, prendendo-a no colchão, e utilizando outra de tecido mais macio por cima, para decorar e promover um acabamento mais interessante.

Veja aqui os melhores revestimentos.

3- Corte os tecidos com folga

Depois de escolher os tecidos adequados, você deverá medir a espuma que você comprou. Assim, deverá cortar os tecidos deixando uma folga adequada ao lado de cada um. Por exemplo, se você comprou uma espuma com 2 cm de espessura, deixe uma folga de 3 cm na beirada do tecido. Essa folga é essencial para que você possa costurar sem deixar o colchonete muito “esmagado” dentro da capa.

Sendo assim, após tirar todas as medidas, corte o revestimento com uma tesoura específica para tecido. Esta tesoura precisa estar adequada para o corte, tendo em vista que tesouras comuns podem tornar o trabalho dificultoso e, inclusive, pode ocasionar problemas na mão, como calos, ok? Portanto, atenção!

4- Costure um lado com o outro

Posto em prática todos os passos anteriores de como fazer seu próprio colchão ou colchonete, é hora de começar a costurar o seu revestimento. É importante que você posicione um sobre o outro, o lado debaixo e de cima da sua capa, deixando bem alinhados.

Vale salientar que o lado direito dos tecidos precisam estar virados para dentro, pois depois que você costurar, você irá desvirar do lado avesso, ok? É justamente por conta disso que também é necessária a folga nos tecidos.

Posicionados um sobre o outro, costure apenas três extremidades, sendo elas o lado direito, esquerdo e o fundo do revestimento. Você precisa deixar um lado aberto, afinal, apenas dessa maneira é que poderá colocar o colchonete dentro da capa.

Depois de costurar tudo, desvire a capa para que fique do lado certo e observe se ficou alguma parte desfiada ou com uma costura errônea. Caso haja falhas, corrija-as.

Para as costuras, você pode usar estes tipos de linha.

5- Coloque a espuma dentro do tecido

Seguidamente você deverá encapar, de fato, a espuma do seu colchonete ou colchão. Para isso, coloque-a dentro da sua nova capa, com cuidado para não forçar e, no caso de espumas com espessura menor, não dobrar ou embolar dentro da capa.

Feito isso, você deverá fechar o outro lado da capa. Aqui temos um adendo: se você fizer a capa para um colchão maior e mais espesso, poderá utilizar apenas um zíper para fechar, e ele poderá ser colocado antes de você vestir o colchão com a capa. Em contrapartida, no caso de colchonetes mais finos, você poderá costurar o fecho para que a capa permaneça sempre fixa na espuma.

Caberá a você decidir qual é a melhor possibilidade para você, é claro.

6- Passe as costuras para o colchonete não se mover

Depois que a capa já estiver fechada (no caso da costurada e não fechada com zíper apenas), você poderá passar uma costura sobre a espuma e a capinha, a fim de fixar uma coisa na outra.

Novamente damos um adendo nesse caso: você não precisará, de fato, fazer esta costura nos casos onde você utilizar a capa em um colchão espesso. Mas sim, este tipo de fixação é para colchonetes finos que podem se “embolar” dentro da capa, ocasionando efeitos nada agradáveis.

Como fazer seu próprio colchão ou colchonete

Como fazer seu próprio colchão ou colchonete: Rápido e fácil

Viu só como fazer o seu próprio colchão pode ser muito mais fácil do que você imaginava? Pois bem, é hora de pôr em prática o que você aprendeu em nosso artigo! Lembre-se de adquirir sempre espumas e revestimentos de qualidade, para garantir a longa vida útil do seu material. Para isso, conte com a JC Decor e encontre os materiais essenciais para o seu trabalho.

Veja também: Guia Completo de Colchonetes.

Tapetes para Decoração – Como escolher? Melhores modelos

tapetes para decoração

Encontrar as melhores opções de tapetes para decoração não é tarefa fácil. Requer pesquisa e atenção aos detalhes para que o resultado seja o melhor possível. Pensando nisso, nós trouxemos um guia completo com tudo que você precisa saber na hora de escolher a melhor opção para a sua casa. 

Conheça as possibilidades e, a partir disso, crie ambientes planejados e confortáveis para você e toda a sua família. Acompanhe este texto e saiba mais.

tapetes para decoração

Melhores modelos de tapetes para decoração

Elencamos abaixo as melhores opções de tapetes para decoração, considerando opções para cozinha, sala e outros ambientes da casa. Crie composições diferenciadas, que fujam da mesmice e desfrute de resultados maravilhosos.

Tapetes para sala

Os tapetes para sala costumam ser mais sofisticados e elegantes, tendo em vista que este espaço requer um toque mais especial na decoração. Por conta disso, peças maiores e que se destacam na decoração são sempre bem vindas. Existem modelos distintos que podem ser utilizados, como tapete de couro e até mesmo carpetes.

Tudo dependerá do seu objetivo final e da sua decoração como um todo. Entenda essas duas possibilidades com as nossas dicas abaixo:

Tapete de couro

O tapete de couro é uma das opções mais sofisticadas tanto para a sala de TV quanto para a sala de estar. Isso porque a sua composição natural promove um acabamento sem igual para o ambiente, deixando-o muito mais marcante e sofisticado.

Perfeito para quem não mede esforços na hora de criar uma decoração mais moderna e elegante, e que gosta de uma pegada um pouco mais neutra. De todo modo, você poderá também incluir um pouco de cor na sua sala, com o uso desse tipo de tapete.

Caberá a você também considerar o seu gosto pessoal, é claro.

Veja aqui alguns modelos de tapetes de couro.

tapetes para decoração

Carpetes

Os carpetes, por sua vez, são mais interessantes para ambientes que queremos criar um ar de aconchego ainda maior. Isso porque eles criam diversas vantagens no cômodo: conforto, beleza, sofisticação, mais segurança, entre outros fatores.

No entanto, se você deseja o seu tapete como um complemento no ambiente, pode apostar nos carpetes para, dessa maneira, atentar-se para outras possibilidades.

Mas, lembre-se que é possível utilizar o tapete também sobre o carpete, a fim de destacar pontos específicos em sua sala, ok?

Veja alguns modelos de carpete aqui.

Tapetes para cozinha

Os tapetes para cozinha, por sua vez, precisam apresentar um acabamento que seja mais adequado para o espaço em questão. Visto que estamos tratando de um ambiente mais úmido, não dá para utilizar um tapete que seja felpudo, por exemplo.

Afinal, você poderá danificar o mesmo uma vez que ele possa estar sempre molhado, ou ainda, caso derrube algum tipo de produto utilizado no dia a dia da cozinha. 

Portanto, a melhor opção de tapetes para decoração da cozinha é justamente as passadeiras. Veja um pouco mais sobre elas:

Passadeiras para cozinha

As passadeiras são a melhor opção de tapetes para decoração da cozinha. Como estamos tratando de um material impermeável, o mesmo não se danificará caso você derrube algum líquido sobre, por exemplo.

Além disso, ele não se manchará com facilidade, desde que você retire a sujidade assim que ela cai sobre ele, é claro. Mas, até nestes casos a limpeza é muito mais facilitada, e com o uso de um pano úmido e às vezes um pouco de sabão neutro já são mais do que suficiente para a higienização. 

E ainda: a secagem é muito mais rápida, inibindo desconfortos e contratempos. Além de que o tapete é bem aderente ao chão, diminuindo inclusive a chance de acidentes domésticos. 

tapetes para decoração

Outros ambientes

Além de pensar nos tapetes para decoração da sala e da cozinha, precisamos também considerar os outros ambientes de nossa casa. Para isso, existem muitas opções, além das citadas acima, que podem se enquadrar nas suas necessidades.

Passadeira

As passadeiras de uso geral também são muito bem vindas no banheiro, em corredores e outros espaços de nossa casa. Elas costumam, como o próprio nome já diz, dar passe em caminhos mais longos, para deixar um acabamento mais bonito e interessante.

É por isso que elas estão sempre em corredores ou na frente de móveis maiores, como pias de cozinha, por exemplo. Além de bonitas, mantém uma maior limpeza na casa, além de trazer conforto e bem estar tátil.

Capacho

O capacho, por sua vez, além de manter a nossa casa sempre bonita, também é responsável por uma função muito importante: a limpeza nas entradas dos ambientes. Afinal, é com o auxílio do mesmo que podemos limpar os calçados antes de entrarmos em casa.

Com isso mantemos mais praticidade com os cuidados com a limpeza no dia a dia, deixando tudo ainda mais interessante, bonito, organizado e confortável.

Veja aqui alguns modelos de capacho.

tapetes para decoração

Tapetes para decoração: o que considerar na hora de escolher

Os tapetes para decoração podem ter outras finalidades além de deixar o ambiente lindo. Quando consideramos isso, fica muito mais fácil escolher a alternativa que seja mais condizente com as nossas necessidades.

Por exemplo, em um quarto infantil, além de deixar o ambiente mais elegante, precisamos também prezar pelo conforto e segurança da criança. Assim, um carpete pode ser uma pedida muito interessante.

Afinal, o carpete é aderente ao chão e evita tropeções, além de que ele não deixará a criança escorregar, uma vez que o mesmo está fixo. Além disso, há ainda o conforto de não haver o contato direto com o piso gelado, sendo importante até mesmo para a saúde do pequeno.

Por isso, na hora de escolher os seus tapetes para decoração, é preciso considerar:

  • A harmonia na decoração: Observe que tipo de material seria mais condizente com o restante da decoração da sua casa. Assim fica mais fácil decidir cor e textura.
  • Funcionalidade: Entenda qual a real necessidade de um tapete em determinado local. Conforto térmico? Segurança? Proteção? Assim você também terá um norte mais interessante para uma escolha mais assertiva.
  • Seu orçamento: Por fim, lembre-se de considerar o orçamento que você tem disponível para esta finalidade, é claro. Assim já saberá quais modelos são mais adequados às suas necessidades, podendo escolher com mais precisão.

Seguindo essas dicas, certamente você fará uma escolha muito assertiva e os seus resultados serão os melhores possíveis. Se você tiver alguma dúvida sobre como escolher ou encomendar o seu tapete, converse com a nossa equipe! Estamos à disposição para lhe ajudar a criar o ambiente mais confortável e bonito para você e toda a sua família.

Guia completo sobre persianas

Neste guia completo sobre persianas vamos lhe ensinar tudo o que você precisa saber sobre este assunto para assim dominar a arte de usar cortinas para decoração! Afinal, a gente sabe que essa peça é indispensável para criar um acabamento interessante para qualquer cômodo, não é mesmo?

Mas, mais do que isso, ela gera benefícios como privacidade, conforto visual, temperatura adequada, além de, inclusive, proteger os móveis contra o contato direto com a luz solar.

guia completo sobre persianas

Por conta desses fatores é preciso entender como escolher o modelo ideal, além de se atentar para as dicas de higienização. E foi pensando em tudo isso que criamos este guia para você. Acompanhe a seguir e fique por dentro!

Guia completo sobre persianas

Entender tudo sobre persianas é o primeiro passo para melhor aproveitar essa possibilidade em sua casa. Pois assim você poderá posicioná-la nos melhores ambientes, além de apostar em um decoração impecável.

Para isso, entenda quais são os melhores modelos e descubra como escolher a alternativa perfeita para você.

Quais são os modelos de persianas?

Antes de qualquer coisa, vamos lhe explicar neste guia completo sobre persianas, quais são os modelos mais conhecidos. A partir disso você já terá uma visão mais assertiva de qual a melhor alternativa para os ambientes em sua casa. Atente-se para cada detalhe:

Persiana horizontal

Esse é o tipo mais comum de persianas que vemos por aí. Trata-se de um modelo com hastes horizontais, sendo estas de diversos materiais, como por exemplo, tecido, madeira, PVC ou até mesmo metal.

Costumam ser utilizadas em escritórios e afins, pois não apresentam uma vedação total da entrada de luz no ambiente. Em contrapartida, podem ser utilizadas para equilibrar essa mesma iluminação natural, deixando-a mais sutil ou abrindo completamente as hastes, permitindo a entrada de luz.

Rolô

Esse modelo de persiana é um pouco mais diferenciado e, ao mesmo tempo, prático. Seu formato em painel permite mais praticidade para o dia a dia. Além disso, apresenta materiais que inibem que o calor e os raios UV entrem em demasia no ambiente.

Assim, protegem os móveis, os pets, os moradores e ainda equilibram a temperatura de um modo interessante. Nesse caso, é preciso escolher a persiana rolô feita de tela solar, tendo em vista que também há o modelo de vinil, que bloqueia por completo a entrada de luz.

Em ambos os casos é possível usar a cortina tanto em dormitórios, como em salas, especialmente as para decorar as salas de TV.

Romana

Neste guia completo sobre persianas, não poderíamos deixar de citar a persiana do tipo romana, não é mesmo? Pois essa é uma das que mais promove um visual clássico. No entanto, se essa é a pegada de decoração que mais lhe atrai, certamente essa será a melhor opção!

Essa persiana apresenta segmentos que são dobráveis à medida em que são suspensos. A grande maioria dessas persianas contam com cores mais neutras, o que facilitam a sua inclusão em diversos estilos de decoração.

Além disso, são encontradas em tecidos mais nobres, como fibras naturais, tela solar e até mesmo madeira. Seu acabamento mais elegante indica que a mesma é mais adequada em ambientes que contam com decorações mais sofisticadas e luxuosas, mas nada impede você de investir nessa possibilidade em outras condições.

O segredo sempre está em formar uma harmonia maior entre o uso da cortina e dos outros itens decorativos.

guia completo sobre persianas

Celular

Por fim, temos também a opção de cortina celular, sendo esta uma das mais utilizadas para  vedar completamente a entrada de luz em qualquer ambiente. Além disso, elas são capazes de promover um conforto térmico muito mais eficiente, uma vez que deixa o ambiente mais quente no inverno e fresco no verão.

Oferece ainda a proteção contra os raios UV e, por conta de todas as suas características benéficas, costuma ser utilizada em diversos ambientes diferentes. Mas, tem um uso mais especial em dormitórios.

Como escolher o melhor modelo?

Agora que você já conheceu os principais modelos de persianas, é hora de se atentar para as nossas dicas de como escolher a melhor opção. Afinal, com tantas alternativas, torna-se até um pouco mais difícil escolher aquela que mais se adéqua às nossas necessidades, não é mesmo?

Para isso, no entanto, existem diversos questionamentos e considerações que você pode ter. A partir disso, será muito mais fácil decidir. Entenda neste guia completo sobre persianas como você escolherá a sua opção:

Veja aqui: Modelos de cortinas para a sua casa.

Considerações para escolher o modelo ideal:

  • Ambiente que será instalado: Antes de qualquer coisa, é preciso entender em qual ambiente você irá instalar a sua cortina persiana. Isso porque é a partir dessa consideração que você poderá escolher entre um modelo que proporciona uma vedação completa de luz, por exemplo. Entender o ambiente é essencial para saber as necessidades que precisam ser supridas.
  • Orçamento: Outro ponto que precisa ser bem observado é o seu orçamento para esse tipo de item. Afinal, você precisa considerar não somente a compra da persiana, mas sim, é preciso também pôr na ponta do lápis o possível gasto que você terá com a instalação da mesma, por exemplo. Assim já saberá quais alternativas estão dentro das suas projeções, e quais não.

  • Decoração: Depois de considerar as ideias anteriores, será necessário trazer à tona um planejamento relacionado com a decoração. Lembra quando você pensou no ambiente que instalaria a sua persiana? Pois bem, aqui você deverá se atentar sobre a harmonia que o mesmo pode ter com o tipo de persiana. Isso será importante para você escolher o tipo (horizontal, vertical e afins), além de pensar na cor que será utilizada.
  • Finalidade: Você precisa de uma persiana que irá vedar bem o ambiente? Ou quer algo apenas para gerar mais conforto térmico ou até mesmo privacidade? Entender a sua necessidade é essencial para fazer a melhor escolha possível para si.
  • Facilidade de higienização/ manutenção: Por fim, lembre-se também de considerar as necessidades de cuidados. Assim você terá em mente se terá tempo – ou não – para determinado tipo de persiana. Tendo em vista que há modelos que você facilmente poderá higienizar e outros que você precisará de auxílio de empresas especializadas, por exemplo.

Guia completo sobre persianas: Como cuidar das suas persianas

Agora que você já pôde acompanhar este guia completo sobre persianas, é importante que você também entenda como funciona para cuidar adequadamente das mesmas.

Para isso, você precisa levar em conta alguns pontos. São eles:

  1. Nunca utilize produtos químicos na hora de limpar as suas persianas;
  2. O ideal é que você apenas passe um pano seco, ou, no caso das persianas de PVC, um pano úmido para retirar as sujidades;
  3. Mantenha a persiana totalmente aberta enquanto a janela também estiver, caso contrário, a passagem de ar pode danificar a estrutura da mesma, entortando-a;
  4. Se retirar a sua persiana para higienizar, cuidado para nunca dobrar de um modo que vá “contra” a sua dobra original.

Seguindo essas dicas e escolhendo o modelo certo para o ambiente que você precisa, certamente você terá resultados incríveis. Depois conta pra gente aqui nos comentários, está bem?

Dicas para decorar sua sala

Dicas valiosas para decorar sua sala

Toda casa, independentemente do tamanho e estilo, tem algumas divisões, sendo uma delas a sala. A sala é um ambiente bastante importante e com uma série de funções, pode ser onde a família vai sentar e relaxar ou onde os amigos vão se reunir, por exemplo. 

Além disso, a sala costuma ser também o cômodo de entrada da casa, ou seja, o primeiro lugar que suas visitas vão ver quando chegarem ou mesmo o primeiro lugar que você vai pisar depois de um longo dia de trabalho. Consequentemente, vale pensar: o que você gostaria que esse lugar transmitisse?

Decorar sua sala pode ser uma tarefa um tanto quanto complicada, uma vez que você gostaria que ela fosse o mais convidativa e aconchegante possível, não é mesmo? Mas não se preocupe! Separamos algumas dicas que vão te ajudar nesse processo e garantir que o visual final esteja de acordo com o que você imaginou. Confira!

O que levar em consideração na hora de decorar a sua sala?

A sala não deixa de ser um dos cômodos mais importantes da casa, por isso é válido ter em mente alguns pontos na hora de decidir como decorá-la. 

A decoração da sala costuma refletir muito a personalidade dos moradores e não há nada de errado nisso, pelo contrário! É fundamental se sentir confortável dentro de seu próprio espaço.

O que muitos começam fazendo nesse processo de decoração é pesquisar ideias, principalmente em revistas e na internet. Ver alguns exemplos de ambientes pode ajudar a ter uma noção melhor do que gostaria de ter e de como costuma ser a composição das salas de estar, assim como saber alguns pontos que não podem faltar. 

Vale ressaltar que, caso tenha dificuldades em decorar a sua sala, contratar um profissional é sempre uma boa opção! Ele irá te ajudar a encontrar o seu estilo, a partir da sua personalidade, e também irá te dar uma série de sugestões e dicas para compor o seu ambiente. 

O que não pode faltar em uma sala?

Independentemente do lugar, tamanho ou quem mora na residência, existem alguns pontos que são comuns a todas as salas de estar. São aspectos como cores, iluminação, móveis e alguns acessórios que caracterizam o cômodo como sala. 

Mas vale ressaltar que nenhum desses pontos é regra! Contanto que a sua sala seja do seu agrado e sirva para o propósito que você precisar, está tudo certo, afinal quem vai usufruir daquele ambiente é você. De qualquer forma, vale a pena conhecer esses pontos até mesmo para ter algumas ideias e facilitar o seu processo de decoração. 

Cores

As cores têm uma grande influência no que o ambiente irá passar para quem se encontrar ali, seja em relação ao humor, emoções, produtividade, conforto, etc. Além de que é essencial que as cores da sala conversem com o que foi escolhido para o restante da casa.

Cores neutras costumam remeter à serenidade e elegância, assim como tons pastéis; tons em cinza e preto são usados para passar uma ideia de modernidade; verde e amarelo costumam trazer alegria, energia e estimular a criatividade; azul traz tranquilidade e calma; laranja e vermelho estimulam a comunicação e o apetite. 

O ideal é escolher uma palheta de cores e combinar os móveis, acessórios e paredes com diferentes tons e texturas. Se possível, comece a planejar a decoração da sua sala por esse ponto, definido se usará tons monocromáticos, análogos ou complementares. Mas lembre-se de usar as cores com moderação para não sobrecarregar o ambiente!

Iluminação

A iluminação é outro ponto fundamental para compor o ambiente que você escolher para decorar a sua sala.

Lustres, por exemplo, ajudam a transmitir uma sensação de “elevação” do pé direito, enquanto luzes mais baixas auxiliam na composição de um ambiente mais aconchegante. 

O tipo de lâmpada também tem o seu papel, dependendo se fornece uma tonalidade mais quente ou mais fria, ou quem sabe um LED colorido.

Além disso, dependendo da cor escolhida para a decoração, pode ser necessário optar por uma iluminação que não altere as tonalidades e aparência das cores ou que  possam exigir uma maior ou menor intensidade de luz. 

Mobiliário

Se você costuma receber muitos amigos em casa, um sofá grande ou poltronas espalhadas são fundamentais. Se a sala tem como principal função ser um espaço para relaxar depois de um longo dia de trabalho, o conforto é fundamental. Pode ser necessário também uma estante para livros ou um suporte para a televisão. 

Qualquer que seja o seu objetivo, a mobília é um ponto extremamente importante. Ela deve ser sempre proporcional ao tamanho da sua sala, aproveitando o espaço da melhor maneira possível, e também de acordo com a função que deseja dar para aquele ambiente. 

O estilo, cores e até mesmo o formato dos móveis devem estar conversando com o restante das características da sala, por isso vale ressaltar aqui a importância de se planejar antes de começar a decorar.

Acessórios

Um último ponto fundamental para a composição da decoração da sua sala é em relação aos acessórios. Alguns exemplos são: mesas de canto, tapetes, cortinas, espelhos, abajures, almofadas, quadros, plantas e outros objetos menores. 

Os acessórios também devem harmonizar com o restante do ambiente, assim como os exemplos anteriores, seguindo sempre o mesmo estilo e palheta de cores, prezando também pela organização e evitando poluir o ambiente com excessos. 

Itens para decorar sua sala

Agora que já conhece algumas “regrinhas” e pontos básicos para a decoração da sua sala, é hora de pensar em alguns elementos mais específicos que podem te ajudar a dar ainda mais personalidade ao ambiente e deixá-lo do jeito que você sempre quis. 

Cortina

Existem uma série de modelos de cortinas, com diferentes cores, tecidos, tamanhos e detalhes. Cortinas podem transformar todo o ambiente, tanto em aparência quanto em questões como luminosidade e privacidade.

 

O primeiro passo é justamente entender qual será a função da cortina, seja para controlar a luz e ruídos externos, privacidade ou simplesmente para a decoração. Em conjunto com isso também é necessário entender as características do ambiente: tamanho da janela, intensidade da luz e função principal. 

Em locais com muita intensidade de luz solar é ideal investir em cortinas com tecidos mais leves, como seda, linho ou sarja, e cores mais claras, que não vão reter calor ou desbotar com o tempo. 

Já se a ideia for ganhar em conforto, opte por tecidos mais pesados e sobreposição de cores, ou em cortina blecaute para deixar o ambiente totalmente escuro. 

 

Em relação a altura da cortina, irá depender do tamanho da janela e da sua distância para o teto. Caso a distância até o teto seja pequena (30 cm ou menos), o ideal é instalá-la no alto, em caso contrário, em cima da janela mesmo. 

 

E por fim, modelos longos tendem a ter um melhor caimento e deixar o ambiente mais aconchegante, sendo ideal em sacadas e janelas que vão até o chão. 

Sofá colorido ou estampas

Estampas estão diretamente relacionadas às cores e características de um ambiente, podendo ser usadas para dar ainda mais personalidade para a decoração da sala e te ajudar a variar ainda mais dentro da paleta de cores escolhida.

Ao invés de, por exemplo, trocar o seu sofá, você pode optar por trocar o tecido para um mais colorido e diferente, que converse com o restante da sua decoração. Isso te dá uma série de novas possibilidades!

Porém, lembre-se de analisar o ambiente como um todo e de escolher sempre materiais de qualidade e um ótimo tecido para sofá . Uma dica é aproveitar a troca de tecido para lavar o estofado e impermeabilizá-lo.

Almofadas

As almofadas são um acessório altamente versátil e simples, mas que pode mudar toda a composição da sua sala, por um custo bem acessível.

Almofadas coloridas e estampadas são uma ótima opção para quem gostaria de ter um ambiente alegre e colorido, porém não pode pintar as paredes ou trocar os móveis, por exemplo. Também são uma possibilidade de estar sempre variando e experimentando, seja conforme as estações do ano ou seu humor. 

As almofadas também estão disponíveis em diferentes tamanhos, materiais e características. Existem almofadas “felpudas” ou de veludo, em tamanhos divertidos como em “nós” ou no formato de objetos, grandes ou pequenas, redondas, enfim, podem ser do jeito que você quiser!

É possível misturar cores e estampas, fazer uma decoração com um tom sobre tom, deixar a sala mais divertida e muito mais! Porém, lembre-se de evitar excessos, comprometendo a decoração da sua sala. 

Tapetes de couro

Os tapetes são uma peça para o “toque final” da decoração do ambiente da sua sala. Eles também podem vir numa variedade de cores, formatos e características, um exemplo é o tapete de couro. 

Esse tapete pode ser tanto sintético quanto de couro natural e é muito comum em ambientes com um estilo mais rústico, porém também pode ser usado para complementar salas mais “chic”, industriais, clássicas ou modernas, uma vez que a sua variedade de tamanhos, formatos e tonalidades pode ser combinada com qualquer um desses ou de outros estilos. 

Um tapete de couro garante beleza, elegância e ao mesmo torna o ambiente mais aconchegante e até mesmo harmônico. 

Como é possível perceber, para decorar sua sala existe um grande leque de possibilidades e variações, para melhor se adaptar ao estilo e a função do ambiente de cada um. Pesquise ideias, se planeje e não tenha medo de experimentar até encontrar a decoração ideal para você! 

 

A JC Decor oferece uma infinidade de itens para a sua sala e todo o seu lar. Confira nosso site! 

Saiba mais sobre papel contact e papel de parede

Saiba mais sobre papel contact e papel de parede

O uso do papel é algo comum na vida de qualquer pessoa. Independente de qual seja a funcionalidade, este se encontra presente em nossas casas, trabalhos e em diversos outros ambientes nos quais vivemos, em seus mais variados tipos. O papel contact e o papel de parede são alguns destes, sendo bastante utilizados no mundo todo.

Por isso, para você entender um pouco mais sobre cada um deles, apresentaremos a seguir a história do papel, como ele é feito – a depender de cada modelo – além das diferenças que existem entre o papel contact e o papel de parede. Informações como as funções para as quais são comumente destinados e em quais lojas podem ser encontrados também estarão presentes aqui.

Portanto, acompanhe o artigo e entenda mais sobre o assunto! Boa leitura.

Origem do papel na história

O papel é um material utilizado pelas populações há milhares de anos e ganhou inúmeras formas no decorrer dos séculos. O primeiro registro que temos deste produto como instrumento de uso humano foi na forma de papiro, para que os povos daquela época (cerca de 3000 a. C.) fizessem os seus registros.

Logo após, surgiu também o pergaminho, um tipo de papel bastante diferente do papel contact e do papel de parede, mas que foi muito utilizado naquela época e que, sim, também é considerado uma variação desse material.

Nos dias de hoje existem incontáveis formas desse produto, além das inúmeras funções que ele desempenha. Contudo, é muito importante recordar a história do papel, visto que mesmo aparentando ser um item simples, atrás dele existe toda uma geração de avanços e mudanças. 

Como o papel é feito?

Uma dúvida muito comum quando dizemos que existem diversos tipos de papel é quanto às formas que eles são feitos. Existem distintas maneiras de criá-lo? O papel contact e o papel de parede, por exemplo, são extraídos de matérias diferentes? Aqui explicaremos como isso funciona.

O papel, em geral, é extraído da árvore eucalipto. Muito provavelmente, nas aulas de geografia ou história do ensino fundamental, os professores contaram fatos sobre esse vegetal a fim de que entendamos a importância dele para a sociedade.

Todavia, nos dias de hoje, o processo de criar o papel vai muito além da extração do eucalipto. Para cada tipo vendido no mercado existe uma maneira de produzi-lo, sendo este vegetal apenas a fonte inicial para todo o procedimento.

Papel contact e papel de parede: quais as diferenças?

Quando falamos do papel contact e do papel de parede, as pessoas automaticamente associam a materiais diferentes, mesmo que tenham nomes parecidos. Contudo, todos são de origem vegetal e são papéis, portanto, mesmo que tenham as suas distinções, ambos são advindos do eucalipto.

O papel contact é conhecido como um adesivo e utilizado principalmente para encapar objetos. A cola é diferenciada, não tendo tanta força quanto alguns outros materiais e sendo indicada para produtos que exijam menos resistência e que sejam mais delicados. Usá-lo em locais com grande tração pode ser um problema.

Já o papel de parede é diferente. Ele também é conhecido como um adesivo, mas com a função de revestir paredes. A sua cola é forte e de grande durabilidade, além de não deixar o material marcado. Ou seja, a tração neste pode ser maior e, automaticamente, a usabilidade é voltada para funções que exijam mais tempo de proteção.

Para quais funções cada papel é destinado?

Agora que já explicamos a importância desse material e as principais usabilidades deles, falaremos mais especificamente sobre cada destino que eles tomam quando utilizados, principalmente para empresas que trabalham com esse produto.

É importante salientar que existem outras formas de utilizar o papel contact e o papel de parede, que vão além do que diremos aqui. Nesse artigo temos o foco de explicar as principais funções, ou seja, aquelas mais utilizadas pelos consumidores.

Papel contact

O papel contact, como já falamos, é muito comum para encapar objetos. O uso deste, por exemplo, em materiais escolares como cadernos e livros é extremamente frequente, pois protege esses materiais – ironicamente se torna um papel protegendo outro – e torna-os mais resistente.

Entretanto, existem pessoas que o utilizam como papel de parede pela infinidade de estampas que oferece. Mesmo que a durabilidade não seja a mesma e nem a cola seja a ideal, o respectivo produto pode, sim, ser um substituto das tintas e ganhar essa função.

Papel de parede

Em contrapartida, o papel de parede, como o próprio nome já diz, é utilizado com a função de dar uma nova aparência para as paredes de um cômodo, substituindo as tintas e outros materiais de decoração.

Pela sua resistência, no entanto, este papel pode ser utilizado também para encapar grandes móveis ou até mesmo eletrodomésticos. Existe uma crescente no uso desse material para, por exemplo, dar uma nova cara às geladeiras bastante antigas. Quem nunca viu esse eletro reformado? É com esse produto que surge uma nova aparência para o utensílio da cozinha.

Decoração 

Um ponto que precisamos destacar aqui é que grande parte dos papéis, independente de quais sejam, são utilizados com fins de decoração. Sabemos que o almaço, por exemplo, é frequente para escrita, mas também serve para desenhar. Já o contact, de proteção passa a ganhar a função de embelezador.

Por isso, sempre que pensarmos nesse material precisamos entender que ele ganha inúmeras funções. Cabe a cada um, então, destinar a usabilidade – claro, pensando nas possibilidades que abrangem estes produtos. Dessa maneira, além de ser um ótimo material, mostra-se multifuncional, ganhando destaca principalmente como um coringa na decoração.

Em quais lojas os papéis são vendidos?

O papel contact e o papel de parede são vendidos em lugares diferentes, mas que pertencem a nichos parecidos. Por isso, no instante de buscar por esses produtos, vá a determinadas sessões, que certamente você irá encontrá-los. 

É importante ressaltar que esses papéis podem ser vendidos em lojas on-line ou físicas. Qualquer seja a sua escolha, cabe a você encontrar o melhor lugar para a sua compra, que atenda as suas necessidades e que tenha, por exemplo, o papel de parede com a estampa que deseja ou o papel contact com a durabilidade que necessita.

Papelaria

A papelaria, sem dúvida alguma, é o lugar mais comum para a venda de papel contact, principalmente. Além de possuir os outros diversos tipos de papéis do mercado, as funções destinadas a esse material se assemelham ao nicho de papelaria.

Claro, precisamos destacar que a papelaria possui funções totalmente distintas de decoração ou afins, mas ela acaba atendendo ao público que procura por isso devido ao grande número de produtos que podem desempenhar mais de uma função, sendo uma dessas a de ornamentar.

Portanto, ao buscar pelo devido produto, vá a uma papelaria e veja se você encontra exatamente o que está procurando. Caso não ache, muito provavelmente na loja está em falta, mas em outros lugares estará disponível. Não hesite em visitar vários locais.

Casa de decoração

Em contrapartida e num nicho bastante diferente do anterior, é fácil encontrar tanto o papel contact quanto o papel de parede em casas de decoração. Isso se deve ao fato de que ambos os produtos servem para mudar a aparência de sua casa e, consequentemente, dar uma nova ornamentação.

Esse tipo de loja também oferece outros itens de decoração, que podem complementar os papéis e tornar a sua mudança em casa muito mais completa. Por isso, ao procurar pelo material, indicamos que busque em casas de decoração, pois neste lugar você irá encontrar diversas opções de produto.

Um exemplo disso é a JC Decor, oferecemos papel de parede em Belo Horizonte não somente os papéis que estamos apresentando aqui, mas também diversos outros. Além disso, trabalhamos com vários modelos de objetos para decoração, tecidos, entre muitos outros. Para quem está interessado em reformar a sua casa, o nosso site é o lugar ideal!

Papel contact e papel de parede é na JC Decor

Entendemos, portanto, que o papel contact e o papel de parede são materiais utilizados principalmente para decoração e que mesmo tendo as suas diferenças, a origem é a mesma. A história desse vegetal, que produz as incontáveis maneiras de construir os papéis, é de suma importância para darmos valor a um componente tão importante em nosso dia a dia.

Se você está em busca de algum desses papéis para decoração ou de outros tipos de materiais, entre em contato com a JC Decor ou navegue pelo nosso site e conheça as nossas opções de produtos! Aqui você encontra tudo de papel e muitos outros. 

 

Couro ecológico sintético e natural

Tudo sobre couro ecológico, sintético e natural

O uso do couro é comum para diversas funcionalidades, como produção de utensílios de moda, de móveis para uma casa ou para outros tipos objetos. Mas, independente de qual seja a utilidade, é importante saber mais sobre esse material, visto que ele está presente em inúmeros lugares e ambiente, em diversas variações.

Por isso, apresentaremos diversas informações sobre couro ecológico, sintético e natural. Para isso falaremos sobre como esses materiais são desenvolvidos, além dos produtos em que eles são mais utilizados e os cuidados essenciais para mantê-lo em boas condições.

Portanto, acompanhe o nosso texto e entenda tudo sobre couro! Boa leitura.

Entendendo o couro e seus materiais

O couro, sem dúvida alguma, é um material muito procurado devido à aparência rústica que oferece aos objetos e espaços. Contudo, diferente do que muitos imaginam, não existe somente um tipo, variando entre ecológico, sintético ou natural (também chamado de legítimo).

Esses três são produzidos de maneiras diferentes e funcionam melhor em determinados tipos de peças e ambientes. Para você que está em busca de tudo sobre couro, explicaremos a seguir tudo o que você precisa saber sobre cada um antes de realizar sua próxima compra. 

1. Ecológico

Para iniciarmos, temos o couro ecológico. Muitos, ao verem esse nome, imaginam que se trata de um produto totalmente sustentável, que não traz nenhum prejuízo ao meio ambiente. Mas, devemos salientar que, independente de como seja feito qualquer destes materiais, todos eles afetam a natureza de alguma forma.

Esse modelo em questão é chamado de ecológico pela forma que é produzido. Ele possui origem animal e um processo de produção diferenciado. A não utilização de metais pesados, além do menor consumo de água durante o processo, são dois pontos importantes para deixar esse tecido muito mais sustentável quando o assunto é a preservação do meio ambiente.

Mas, não somente isso, o tratamento é realizado em grande parte com taninos vegetais, fazendo com que a decomposição seja mais lenta e que atinja menos à natureza. Por isso e algumas outras características, esse tipo de couro é chamado de ecológico.

2. Sintético

Em segundo lugar, temos o mais famoso de todos e mais comum nas vendas brasileiras: o couro sintético. Utilizado para inúmeras funcionalidades, ele está presente principalmente em bolsas e peças de moda – como uma forma de substituir o couro de origem animal, que é muito criticado no meio em questão.

Esse material, por não ser de origem animal, possui a durabilidade um pouco inferior ao ecológico ou natural. Contudo, ainda assim, ele é muito utilizado, principalmente por ser muito semelhante ao couro legítimo.

Por isso, se você está em busca de algo que não afete diretamente a vida animal, opte por peças, seja de moda ou de decoração, com esse tipo de couro. Mesmo que ele não tenha tanta duração quanto os outros, você estará adquirindo algo tão bonito quanto e sem prejudicar diretamente o meio ambiente.

3. Natural

Por último, mas não menos importante, temos o couro natural, que também é chamado de couro legítimo. Este é o famoso material retirado diretamente de origem animal, conhecido principalmente pela sua beleza e durabilidade. Muitas pessoas o utilizam pensando no tempo que ficarão com ele, preservando a ótima aparência.

Quando falamos tudo sobre couro não podemos deixar de lado como é o processo deste produto. O material de origem natural é retirado normalmente de bois e deixado “curtido”, ou seja, em descanso para ganhar a forma devida, resultando em um material mais resistente e, consequentemente, duradouro.

É importante salientar que o couro legítimo é o mais caro entre todos devido às inúmeras qualidades que traz. Por isso, ao pensar em sua compra, lembre desse fator. Na balança de qualidade e valor é preciso medir qual lado pesa mais para a sua procura!

Em quais produtos o couro é usado?

Agora que já entendemos tudo sobre couro e os seus principais tipos, precisamos compreender em quais produtos eles são mais utilizados e em qual investir, por exemplo, como material fundamental para a produção da minha empresa.

É essencial destacar que, mesmo que falemos que alguns produtos são mais recorrentes com um tipo de couro, isso não faz com que outros não sejam utilizados. Somente estamos apresentando a maior saída do mercado e a função que normalmente desempenham nos produtos.

Distintos produtos, diferentes couros

Os tipos de couros possuem destinos diferentes na hora de construir algum produto. O sintético, por ser mais barato e mais frequente no mercado, está presente principalmente em peças de moda, como sapatos, bolsas ou jaquetas de couro – que aludem ao couro natural, mas que normalmente são sintéticos.

Em contrapartida, o couro ecológico e o couro natural são utilizados em produtos que exijam mais durabilidade. Quem nunca sonhou com os bancos de seu carro com esse tipo de material? Os veículos mais caros do mercado são revestidos desse tipo de couro, tornando o produto muito mais caro.

Uma curiosidade para quem não sabe a gama de produtos que esse material abarca: a sela de cavalo, por exemplo, é completamente revestida por couro natural. O impacto que esta sofre é grande, mas o material sustenta, devido a qualidade que apresenta.

Principais cuidados necessários

Um diferencial que você precisa saber sobre esse material é que ele exige determinados cuidados para continuar com a mesma aparência e qualidade ao longo do tempo. Independente da forma como foi produzido, é extremamente importante manter em dia essa manutenção.

Então, agora, para completar essas informações importantíssimas para você que está em busca de algum tipo de couro para comprar, mostraremos também como cuidar deste e fazer com que ele sofra menos com o passar do tempo.

Ressecamento

O couro, mesmo com os vários tipos de revestimento que existe, é conhecido, infelizmente, por ressecar com o tempo. Isso realmente acontece, mas torna-se frequente pela falta de cuidado com um ponto: a exposição ao sol e ao calor.

Quando o couro ecológico, sintético ou natural são expostos ao sol, automaticamente o material começa a ressecar e ficar quebradiço. Isso é comum principalmente com o revestimento sintético, por ser o mais frágil de todo o grupo.

Por isso, se você realmente sabe tudo sobre couro, precisa colocar em prática os cuidados necessários, principalmente com relação à exposição ao calor. Isso pode prejudicar o seu material e, em caso de lojas, por exemplo, até fazer que um cliente desista de comprar o produto pelas condições que ele apresenta.

Superfícies cortantes

Além disso, é extremamente importante deixar o couro distante de superfícies cortantes, mesmo que o ecológico e natural sejam bastante resistentes. Isso pode desfigurar o seu produto, fazendo com que ele fique com uma aparência de mal cuidado.

Se no seu carro, por exemplo, os bancos são revestidos desse material, mantenha sempre alguma proteção por cima ou evite ao máximo entrar com objetos pontiagudos no automóvel. Caso seja todo forrado por couro sintético, o cuidado deve ser redobrado, uma vez que este é mais frágil.

Caso aconteça algum tipo de acidente que corte o couro, não há como consertar esse problema. A forma de resolver essa questão é somente procurando um profissional ou empresa que trabalha com esse tipo de conserto e trocando pelo menos uma parte do revestimento. Ou seja, todo cuidado é pouco. 

Produtos de má qualidade

Por último, para você que quer saber tudo sobre couro salientamos que cuidados como hidratação e limpeza deste material são essenciais. Por ser algo grosso e em sua grande parte de origem animal, mantê-lo limpo e sem ressecamentos exige que o consumidor tenha uma rotina de cuidados.

Uma bolsa revestida com couro fica exposta por muito tempo aos fatores externos como sol, vento e demais fenômenos da natureza. Isso faz com que o produto vá se corroendo, sendo necessário manter principalmente a limpeza em dia.

Contudo, fazer isso com produtos de má qualidade também é prejudicial. Além de corroer o couro, deixa o aspecto de sebo, muito menos atraente. Portanto, escolha itens recomendados para esse tipo de material, a fim de que o produto realmente dure o tempo esperado.

Couro é com a JC Decor

Apresentamos aqui as informações mais essenciais para a sua decisão na hora de optar por esse tipo de material. Independente de qual seja a sua intenção, para compra própria ou para uma grande demanda – como para empresas que trabalham com esse tipo de material – saber mais sobre ele é fundamental para fazer a escolha certa.

Nós JC Decor oferecemos couros ecológicos, sintéticos e naturais para todo o Brasil, além de outros tipos de tecidos bastante procurados no mercado. Por isso, se você está interessado em comprar couro, navegue pelo nosso site e confira os melhores produtos e ofertas.